Índice MasterCard de mulheres empreendedoras

Ranking Mundial de empreendedorismo feminino

Em 2018 foram revelados os resultados do segundo Índice MasterCard de mulheres empreendedoras, um estudo que monitora o desenvolvimento de mulheres empreendedoras em 57 mercados de cinco regiões geográficas: Ásia-Pacífico, Europa, América Latina, Oriente Médio e África e a América do Norte.

No estudo desse ano pode-se perceber que nos países desenvolvidos as mulheres empreendedoras têm mais oportunidades – como serviços financeiros, acesso a capital e programas acadêmicos – e, por isso, elas têm menos dificuldades para fazer os seus negócios prosperarem.

Entretanto, apesar de o estudo apontar para o maior desenvolvimento nesses países, isso não é uma regra. Em alguns países desenvolvidos, as mulheres enfrentam muitos preconceitos e, por isso, ainda são poucas as que decidem se aventurar no empreendedorismo. Por exemplo, o Japão se encontra no 46º lugar no ranking dos mercados que dão apoio à mulher empreendedora.

Da mesma forma, alguns países considerados subdesenvolvidos apresentam um alto número de mulheres ligadas ao empreendedorismo. Nesses países, as mulheres costumam empreender mesmo sem ter as facilidades de capital e isso se dá pelo fato de que, boa parte delas, se tornou empreendedora por necessidade.

Os 10 mercados que dão mais apoio à mulher empreendedora:

1º Nova Zelândia

2º Suécia

3º Canadá

4º Estados Unidos

5º Singapura

6º Portugal

7º Austrália

8º Bélgica – 68,7

9º Filipinas – 68,0

10º Reino Unido – 67,9

Qual é a situação do Brasil?

O Brasil se encontra no 35º lugar do ranking dos mercados que dão apoio à mulher empreendedora.

Pela quantidade de investimentos feitos no Brasil é surpreendente a quantidade de mulheres que optam pelo empreendedorismo. Essa discrepância é justificável pelo fato de que, segundo o estudo, a maioria das empreendedoras brasileiras optou pelo empreendedorismo por uma questão de necessidade causada pela falta de oportunidades de emprego e pelo baixo PIB per capta.

No estudo possível perceber que existe uma diferença nos tipos de negócios abertos por homens e mulheres. As áreas que envolvem TI ainda são majoritariamente ocupadas pelo sexo masculino.

Homens e mulheres brasileiros representam quase a mesma quantidade de novos empreendedores, entretanto, o sexo feminino ainda enfrenta mais dificuldades na hora de fazer o seu negócio prosperar, fazendo com que os homens liderem os pequenos negócios já estabelecidos no mercado.

Com relação ao fim precoce dos empreendimentos, o estudo mostra que o Brasil é um dos países onde as mulheres mais sofrem com a falta de financiamento. Dentre as causas para esse problema se encontra o fato de que as mulheres não costumam buscar a ajuda de entidades de apoio ou sindicatos – enquanto 60,1% dos homens buscam ajuda, apenas 39,9% das mulheres vão atrás das mesmas oportunidades. Alguns motivos relacionados a isso são:

– falta de conhecimento e de informações sobre esses serviços – 42,2%

– mulheres que acreditam não precisar desse tipo de apoio – 21,5%

– mulheres que alegam não ter tempo para procurar esse tipo de apoio – 12,2%.

Dessa forma, a pesquisa prova que, no Brasil, não é apenas a questão do preconceito que precisa ser combatida, mas também, a falta de informação e estrutura oferecidas para as mulheres que precisam empreender pela sua subsistência.

Fontes: https://newsroom.mastercard.com/latin-america/pt-br/press-releases/mulheres-no-poder-indice-da-mastercard-revela-como-os-paises-estao-enfrentando-o-desafio-de-superar-as-disparidades-de-genero-e-capacitar-as-mulheres-empreendedoras/

https://newsroom.mastercard.com/wp-content/uploads/2018/03/MIWE_2018_Final_Report.pdf

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s